Perfil – Leandro Cunha de Assis

Bombeiro é um profissional apto a apagar incêndios, resgatar pessoas em situação de perigo, salvaguardar bens materiais e ajudar a fornecer assistência nos desastres naturais e/ou causados pelo homem. Talvez não por acaso, antes de tornar-se profissional do corpo de bombeiros, Leandro Cunha de Assis, nascido em 14 de Junho de 1982, na capital baiana, foi ‘salvo’ pelo Projeto Resgate, um projeto realizado por Henrique Quireza, na Igreja Batista no bairro de Plataforma, onde o principal objetivo era resgatar os jovens das drogas através da palavra de Deus.
Como num caminho já trilhado pelos seus sonhos, Leandro, filho de família simples, estudante de escola pública, aos 16 anos decidiu ser escritor. Ao ler Machado de Assis, José de Alencar, Joaquim Manoel de Macedo, etc., embriagou-se de literatura brasileira e começou a escrever um romance nas páginas de seu caderno.
Após 11 anos, tem 2 livros publicados “Eu Sou Todo Poema” e “Inquietações” além de ter participado de 7 Antologias Poéticas. O sonho virou realidade! Leandro de Assis, bombeiro, professor de História e escritor.
Nessa trajetória, Leandro encontrou entraves.
Descobriu as dificuldades em publicar um livro na Capital Baiana quando não há dinheiro, apoio e principalmente quando não se tem amigos. Mas ele decidiu que a vida giraria como num romance, sempre com final feliz, então buscou fazer amigos com sonhos comuns, em prol da literatura, da poesia, e através deste círculo criar um facilitador para finalmente publicar um livro.
A inquietude de menino projetou em sua mente o “Fala Escritor”, que tem como objetivo disseminar informações pertinentes à literatura e ao mercado editorial, reunir os novos escritores baianos, estimular a escrita, a publicação e o lançamento de livros. Assim, Leandro traça nas linhas dos sonhos de seus alunos e amigos, a crença de que é possível! Nunca deixando-os desistir ou mesmo adiar seus sonhos.
“Graças a Deus e a equipe que escolhi para tocar o projeto tem dado certo. Convidei primeiro Valdeck Almeida, Carlos Souza, Fau Ferreira e Monique Jagersbacker e posteriormente chegaram o Grigório Rocha e a Renata Rimet”, agradece Leandro.
Recém casado, incentivando seus alunos a leitura, salvando vidas no Corpo de Bombeiros, Feliz! Seria um final feliz de romance se Leandro de Assis decidisse que esse era o final.
Próximo passo: Leandro decidiu ser pai… de gêmeos, alguém duvida?

Assista ao vídeo perfil de Leandro de Assis

Anúncios

Um pensamento sobre “Perfil – Leandro Cunha de Assis

  1. Amigo e irmão, Leandro é um homem indesistível. Em meio às dificuldades e desafios, tem buscando os seus sonhos e vencido todo gigante que tem se levantado para retardá-lo ou paralisá-lo em sua árdua e bela jornada. Tive o prazer de ler e recomendo a todos seu livro de poesias, Inquietações. Grande escritor que, verdadeiramente, tem buscado, não somente escrever aquilo se projeta em um livro com um fim em si mesmo, mas ser como um instrumento nas mãos de Deus para abençoar a todos que, de alguma forma, seja alcançado por seus escritos e artigos. Um abraço e que Deus o abençoe em todos os seus caminhos.

Os comentários estão desativados.