Fátima Trinchão lança Ecos do Passado na Bienal do Livro de São Paulo

Será lançado no próximo sábado, dia 21 de agosto, às 14h, na 21ª. Bienal Internacional do Livro de São Paulo, o livro de poemas Ecos do Passado, da professora e escritora baiana Fátima Trinchão.  Os temas de sua poesia vão desde a religiosidade, passando pela ancestralidade, as dúvidas e incertezas do ser humano, e sua arte de viver,  que desembocam na alegria das boas rodas de samba e no batuque cadenciado dos atabaques.

A escritora Fátima Trinchão já participou de várias coletâneas de poemas e contos através das Editoras Contemp, Cepa, Ómnira e Cadernos Negros (SP), além de publicações nos jornais de Salvador, e no seu site de literatura. Agora, a escritora desponta com o livro solo que será lançado através do selo da Editora Novos Autores (SP), com apresentação da professora Deborah Kelman e Capa do artista Magno Neto.


Fátima Trinchão – natural do município de Euclides da Cunha – Ba., e radicada em Salvador. Licenciada em Letras Vernáculas com Francês pela  Universidade Católica de Salvador. Admiradora. O amor à literatura manifestou-se desde cedo, incentivada por familiares, segue escrevendo poemas, contos, crônicas.  Entres os livros que participou estão: Entre os livros que participou estão: Cadernos Negros – Contos – nº. 33 – 2009; Bahia de Todos em Contos e Salvador – 460 anos de Poesia, Editora Óminira.

Fonte: Carlos Souza - carlossouzamkt@hotmail.com
Anúncios